Seu navegador não suporta javascript!

Programa de Parcerias de InvestimentosPPI

PPI discute parceria com coorporação canadense

Home > Notícias > PPI discute parceria com coorporação canadense

12 de março de 2019

PPI discute parceria com coorporação canadense

Grupo Canadense
O Secretário Especial do PPI, Adalberto Vasconcelos, recebeu, nesta terça-feira (12), diretores do Conselho de Investimentos do Canadá (CPPIB), Ed Kass (diretor global), Rodolfo Spielman (diretor de relações governamentais) e Matias Hartpence (diretor global de politicas públicas). A reunião discorreu quanto ao interesse da corporação em se tornar uma parceira confiável em mercados prioritários internacionais, incluindo o Brasil, capaz de obter e participar de oportunidades que exijam presença local, talento e reputação como organização de investimento profissional. 
 
O fundo CPPIB (Canada Pension Plan Investment Board) é conhecido pela  experiência como investidor global em infra-estrutura: transações grandes e complexas, incluindo ativos de infraestrutura significativos, globais, privados e públicos para privados, como infraestrutura essencial de eletricidade, água, gás e comunicações, rodovias, pontes, túneis, aeroportos e portos.
 
Vale ressaltar que o CPPIB é uma organização global líder em gerenciamento de investimentos profissionais que investe fundos transferidos do Plano de Pensão do Canadá (CPP) que atualmente não são necessários para pagar benefícios, em nome de seus 20 milhões de contribuintes e beneficiários canadenses. Investimos globalmente - e a longo prazo - em ações de capital público e privado, imóveis, infraestrutura e instrumentos de renda fixa, incluindo dívida pública e privada. O horizonte de investimento de longo prazo da CPPIB nos permite atuar como um importante fornecedor de capital para projetos de longo prazo com benefícios de interesse público, incluindo o desenvolvimento de infraestrutura.

Leia outras notícias

  • Leilão da Lotex tem nova data: 26 de abril

    Continue lendo
  • Governo lança edital de estudos para concessão de 22 aeroportos

    Continue lendo