Seu navegador não suporta javascript!

Programa de Parcerias de InvestimentosPPI

Portos: mais seis terminais portuários serão leiloados logo no início de 2019

Home > Notícias > Portos: mais seis terminais portuários serão leiloados logo no início de 2019

21 de dezembro de 2018

Portos: mais seis terminais portuários serão leiloados logo no início de 2019

Imagem: Ministério dos Transportes

Mais seis terminas portuários, qualificados no Programa de Parcerias de Investimentos, serão leiloados logo no primeiro trimestre de 2019. As áreas estão situadas no estado do Pará (Porto de Belém e Porto de Vila do Conde). O edital foi publicado ontem (20) no Diário Oficial da União e o certame está marcado para o dia 05 de abril de 2019, na sede da B3, em São Paulo. As áreas são destinadas à movimentação e armazenagem de granéis líquidos (combustíveis) e estão previstos R$ 430 milhões em investimentos.

As propostas devem ser entregues até o dia 02 de abril de 2019. Vencerá o certame quem oferecer o maior valor de outorga, que começará em R$ 1 real.

PORTO DE BELÉM – São cinco áreas, todas destinadas à movimentação e armazenamento de gráneis líquidos (combustíveis).  Para BEL 02A, a previsão de investimentosé de R$ 48,3 milhões, e para BEL 02B, de R$ 27,4 milhões, com prazo de arrendamento de 15 anos para as duas, prorrogável por igual período.  A área BEL 04 terá capacidade de movimentação de 864.000 m³/ano para movimentação de granéis líquidos, com prazo de 15 anos e investimentos previstos de R$ 11,6 milhões.

Já as áreas BEL 08 e BEL 09 terão prazo de arrendamento de 20 anos, também prorrogável por igual período. Para a BEL 08, o investimento será de R$ 89 milhões. A nova capacidade da área BEL 09 será de 530 mil toneladas/ano e os investimentos na ordem de R$ 128 milhões.

PORTO DE VILA DO CONDE – O terminal VDC12, localizado no Porto de Vila do Conde (PA), terá prazo de arrendamento de 25 anos, prorrogável por mais 25 e previsão de investimento de R$ 126,3 milhões. Também destinada à movimentação de granéis líquidos, a capacidade de movimentação de combustíveis será ampliada em 4,0 milhões toneladas/ano.

Acesse aqui e saiba mais. 


Fonte: PPI e Ministério dos Transportes

Leia outras notícias

  • Edital de leilão de 12 linhas de transmissão, projeto do PPI/Casa Civil, é aprovado pela Aneel

    Continue lendo
  • PPI/Casa Civil apresenta boas práticas do programa para promoção da integridade e transparência no desenvolvimento de infraestrutura

    Continue lendo