Seu navegador não suporta javascript!

Programa de Parcerias de InvestimentosPPI

Missão Brasil – Europa: PPI apresenta sua carteira de projetos para investidores espanhóis

Home > Notícias > Missão Brasil – Europa: PPI apresenta sua carteira de projetos para investidores espanhóis

05 de junho de 2019

Missão Brasil – Europa: PPI apresenta sua carteira de projetos para investidores espanhóis

Europa Dia 3
O Secretário Especial do Programa de Parcerias de Investimentos, Adalberto Vasconcelos, está em Madri para a Missão Brasil – Europa. Nesta quarta-feira (5), a comitiva participou de reuniões com representantes de várias empresas e investidores espanhóis.

A agenda do terceiro dia de missão começou com uma conversa com os representantes da empresa Renfe: a diretora de prospecção de negócios, Marisa Poncela, e o diretor internacional, Iñaki Barrón. A Renfe tem como missão prestar serviços de transporte de passageiros e mercadorias sob o princípio da segurança, com critérios de qualidade, eficiência, rentabilidade e inovação. Seguindo, Adalberto Vasconcelos se reuniu com o diretor geral de Desenvolvimento de Negócios, Félix Corral e Eduardo Rosa Pérez, gerente de projetos da Sacyr. Atualmente, a empresa conta com €1.8 milhões em concessões e esperam saltar 50% na próxima década, atingindo €2.7 milhões até 2031.

Dando continuidade à agenda intensa em Madri, o Secretário Especial do PPI participa de reunião com o Administrador de Infraestructuras Ferroviarias (Adif), uma entidade pública espanhola que possui a maioria das linhas ferroviárias da Espanha. O diretor internacional da empresa, Fernando Nicolás Calderón, afirmou que existe um enorme interesse em participar de grandes negócios brasileiros com o PPI. “Fazemos gestão de duas mil estações de trem e mais de 15 mil km de ferrovia na Espanha”, disse Fernando.

O Secretário Especial do PPI ainda recebeu o diretor de projetos internacionais, Juan Ramón Hernández e a diretora geral de engenharia Ineco; o diretor geral, José Monera, o gerente de relações públicas, María Rojo e a diretora de investimentos, Teresa García-Agulló do banco BBVA, um grupo bancário espanhol com participação em entidades financeiras em mais de 30 país; o diretor executivo, José Antônio Labarra Blanco e o gerente de projetos, José M. De Ojeda da Roadis; o presidente da Confederação Espanhola de Pequenas e Médias Empresas (Cepyme), Garado Cuerva Valdivia e o secretário geral, Pedro Fernández Alén foram recebidos para conhecer a robusta carteira de projetos do programa. A Cepyme é reconhecida como a organização empresarial mais representativa do estado, assim como representa PMEs espanholas na União Europeia. Também participa de outras atividades internacionais, devido ao seu caráter representativo comercial nacional.
 
Para finalizar o dia, Adalberto Vasconcelos, se reuniu com o presidente José Gasset e o diretor executivo, Antonio Del Corro da Câmara de Comércio Brasil-Espanha. José Gasset garantiu que é preciso aumentar o “DNA Brasileiro” na Espanha. “O momento é agora. Gostaríamos de ser os interlocutores do PPI aqui na Espanha e começar a busca diária de parceiros locais.” Para Antonio Del Corro, é preciso formar grupos de trabalho para receber críticas construtivas em relação aos projetos brasileiros e, assim, melhorar a parceria.

Leia outras notícias

  • Leilão do Complexo Polimetálico de Palmeirópolis arrecada R$ 15 milhões para a União

    Continue lendo
  • Leilão de Energia Nova A-6 adiciona 2,9 GW em capacidade instalada

    Continue lendo