Seu navegador não suporta javascript!

Programa de Parcerias de InvestimentosPPI

Resolução recomenda qualificação de política para estudos de alternativas habitacionais para locação social

Home > Notícias > Resolução recomenda qualificação de política para estudos de alternativas habitacionais para locação social

22 de janeiro de 2021

Resolução recomenda qualificação de política para estudos de alternativas habitacionais para locação social

Resolução recomenda qualificação de política para estudos de alternativas habitacionais para locação social
A Resolução CPPI nº 159, publicada no Diário Oficial da União desta quinta-feira (21/1), opina pela qualificação, no âmbito do PPI, de política para fomentar parcerias com a iniciativa privada para estudar alternativas habitacionais destinadas à locação social.
 
Na prática, o objetivo é o de estruturar projetos-piloto de locação social, considerando a necessidade de diversificar alternativas para a solução da questão habitacional no Brasil e a quantidade de assentamentos precários nas cidades brasileiras, onde existe um déficit habitacional estimado em cerca de 6,35 milhões de unidades habitacionais. Desta forma, o Ministério de Desenvolvimento Regional solicitou, durante a 14ª Reunião do Conselho do PPI, a inclusão da política para fins de estudos de possibilidades de parcerias com a iniciativa privada. 
 
Os estudos poderão ser apoiados pelo Fundo de Apoio à Estruturação e ao Desenvolvimento de Projetos de Concessão e Parcerias Público-Privadas da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios (FEP), instrumento criado pelo Governo Federal para fomentar a realização de concessões estaduais e municipais, tendo como finalidade exclusiva financiar serviços técnicos especializados com vistas a apoiar a estruturação e o desenvolvimento de projetos de concessão e de PPPs.
 
“Os programas hoje existentes no país de provisão habitacional não se mostram suficientes para equacionar o déficit habitacional para famílias que vivem em estado de pobreza absoluta. Em um cenário de escassez de recursos públicos, é necessário pensar em novos modelos”, destaca a Secretária Especial do Programa de Parcerias de Investimentos (PPI), Martha Seillier. 
 
O próximo passo é a publicação de decreto presidencial para a qualificação no PPI.

Leia outras notícias

  • Capitalização da Eletrobras: MME aprova diretrizes para definição de preço de Angra 3

    Continue lendo
  • Anac e CCR assinam contrato de concessão dos aeroportos do Bloco Central

    Continue lendo
Acesso à Informação
Governo do Brasil